segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Site Guia-me fala sobre praia de Ponta Grossa

O site Guia-me (www.guiame.com.br) publicou uma matéria sobre a Praia de Ponta Grossa. Ao qual reproduzimos abaixo:

Ponta Grossa, uma praia de estado quase nativo, no Ceará

A leste de Quixaba, cerca de uns 30 km pela praia, fica Ponta Grossa. Dizem os historiadores que foi lá que o navegador espanhol Vicente Pinzón desembarcou no Brasil - antes de Cabral. Como não se tratava de uma viagem oficial, a visita não foi aceita como um descobrimento. Fala-se que Pinzón, dois meses antes de Cabral chegar a Porto Seguro, na Bahia, teria batizado o lugar de Cabo de Santa Maria de la Consolasción.

A praia também teve colonização holandesa, o que é fácil perceber pela pele branca e cabelos claros dos moradores da vila. A comunidade é bem fechada, formada por evangélicos, sendo bastante comum o casamento entre primos.

Ponta Grossa permanece uma praia quase de estado nativo, é isolada e sem grande infra-estrutura turística. É lá que se come a lagosta mais saborosa da região e os melhores e maiores camarões e peixes. Não deixe de comer o camarão no bafo! Há uma única pousada no local e duas barracas de praia: a Pantanal e a do Seu Chico - da família Crispim, praticamente a única da comunidade.

O local, de paisagens selvagens com falésias de diferentes cores, é marcado por uma enorme ponta de pedra em barro vermelho que entra mar adentro. Na maré baixa, expõe uma fonte de água doce na praia. Aqui os visitantes observam as belas formações rochosas com as mais variadas cores, do amarelo, passando pelo laranja, vermelho, ocre e até mesmo incríveis tons de vinho que lembram os cenários de filmes como 'O Piano' e 'Guerra nas Estrela'.

Fonte: Roteiro Ceará


Fonte: Guia-me

Nenhum comentário: