sexta-feira, 18 de junho de 2010

Oposição critica atitudes do prefeito Irmão Edilson durante comemoração

Na quarta-feira à noite, o prefeito de Icapuí, Irmão Edilson, ao tomar ciência do resultado favorável do recurso impetrado contra a cassação do registro de sua candidatura às eleições de 2008, saiu às ruas da cidade em carreata junto com uma grande quantidade de pessoas, comemorando a vitória no processo que tramitava no TRE. Porém, essa manifestação comemorativa vem sendo alvo de críticas ferrenhas por parte do grupo político que faz oposição ao governo atual.



Alguns integrantes dos partidos políticos que compõem a oposição ao governo, vêm explicitando indignação sobre as atitudes do prefeito Irmão Edilson durante a carreata de comemoração. Para alguns, configurou-se um desrespeito aos cidadãos icapuienses em função do horário e do uso de fogos de artifícios durante todo o percurso da carreata e até acusação de "falso profetismo". Nos comentários recebidos aqui no blog, na matéria que registrou o evento, existe referência ao "fundamentalismo de cartão", expressão essa que faz menção direta a funcionários que participaram da comemoração simplesmente por serem agraciados por algum tipo de benefício. Outra demonstração contrária ao prefeito se deu através de uma nota emitida pelo Partido dos Trabalhadores de Icapuí - PT, que publicamos aqui neste blog, por ser um espaço aberto a todos que desejam expor suas opiniões.

A defesa

Em defesa do prefeito, o vereador Antônio Carlos (PSDB) na sessão da Câmara de hoje, rebateu algumas dessas críticas feitas pela oposição. Salientou que esse tipo de comemoração é garantido pelo princípio da democracia, onde a liberdade de expressar as ideologias políticas e partidárias lhe garante o direito de comemorar qualquer ato que julgue merecedor de tal manifestação. O vereador ainda resgatou um momento histórico de nossa política, citando o ocorrido em agosto de 1989, quando o prefeito daquela gestão ao ter seu mandato cassado pela justiça foi substituído pelo candidato da oposição que assumiu o cargo. Logo em seguida o prefeito cassado reaveu o direito de retornar ao cargo, e foi aí que houve uma manifestação popular considerada desrespeitosa, já que a cadeira foi lavada, literalmente, em praça pública. Ainda em sua argumentação, o vereador indagou a todos sobre como seriam as atitudes caso os papéis fossem invertidos, ou seja, se o acontecido fosse com os da oposição.

Falta de reconhecimento

O Secretário de Obras do município de Icapuí, Chico Cirilo, também defendeu o prefeito Irmão Edilson. Em entrevista à rádio FM Educativa, hoje à tarde, reforçou a ideia de que o prefeito tem o direito legítimo de comemorar junto com o povo em praça pública e nas ruas. O secretário se lastimou sobre a falta de reconhecimento por parte da população das ações realizadas pelo prefeito na cidade. Segundo ele, muitas obras já foram entregues e muitas outras estão em andamento. Citou os inúmeros calçamento de ruas, poços perfurados, mirante da Serra do Mar, paredão de Barreiras, entre outros, e que essas realizações não recebem o devido reconhecimento, já que a oposição insiste em dizer que o prefeito não faz nada.

2 comentários:

francisco celestino cavalcante disse...

Não se questiona o fato da comemoração isso é legitimo, que comemore!!! o que não se admite é a maior autoridade do município (o prefeito)sair as ruas altas horas da noite soltando bombas e baterias de fogos xingando e insultando a população pelo simples motivo de essa parte da população não ter votado com ele,um prefeito ausente sem compromisso com o município e que não senta na cadeira de prefeito para atender a população,
para o seu irmão e muito fácil fazer a defesa do prefeito, e as pessoas sabem porque, se alguém teve esse tipo de atitude no passado também estava errado, cabia a oposição na época fazer a critica, quanto ao vereador citado na matéria ele não devia dizer o que diz, entretanto, ele não diz o que sabe, faz de acordo com as suas conveniências... Fazia oposição ferrenha aos erros das gestões anteriores e hoje esta pior do que antes (só ele e meia dúzia de cartãozeiro vêem algo de bom neste governo) e ele acha que estar certo. Porque será?

Neyzinho disse...

Hipocrisia é o sinônimo mais translúcido de “ideologia política”, nossa vida é moldada por nossas conveniências. O crítico de ontem pode ser o cordeiro de hoje, basta que os verdes pastos, sombra e água fresca estejam a seu dispor, e olha que não me refiro apenas à prefeitura ou câmara, afinal política é viver e vivemos conforme o que nos é conveniente. Existe um ditado que diz: “Língua não tem osso, mas quebra caroço”
Tem mais um ditado: “Se a carapuça serviu...”
Abraço a todos!