quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Artigo: Comemorar a emancipação de Icapuí é lembrar a luta pela liberdade

Escrito por Adolfo Maia
Historiador,  fundador e editor 
do blog A Cidade Icapuí
Tradicional Corrida de Jegue

Resolvi criar esse artigo respondendo um comentário que está na postagem "Divulgada a Programação Oficial da Semana do Município 2011".

Vocês devem saber que só tem artistas locais e bandas locais na Semana do Município deste ano, que desde 2005 deixou de ser Cultural (já que Semana Cultural simbolizava a gestão do PT), porque a Prefeitura está com debitos enormes e parece-me que está inadimplente e não poderia receber recursos federais para contratar bandas como a Saia Rodada, que estava tudo programado e que não veio por falta de dinheiro. E as bandas locais podem esperar dois, três ou quatro meses para receber  o pagamento pela apresentações da Semana do Município e já essas outras bandas não teriam tanta paciência assim.

Se nesse caso é para privilegiar o local, esperaremos o proximo ano, ano eleitoral, que a programação continue icapuiense como a deste ano e que não seja uma programação faraônica, cheia de eventos inaugurais para promover o candidato da situação à prefeito de Icapuí.

Contudo, precisamos comemorar a Emancipação de Icapuí que nos tornou município e libertos. Então está de parabéns a Prefeitura pelo evento, porque mesmo com essa grande crise administrativa e política que se encontra a mesma, está realizando essa comemoração, não a ideal para todos, mas que não se podia deixar passar em branco.

Mas tem um aspecto que sempre fica de fora dessas programações do aniversário de emancipação politica de Icapuí, que é relembrar para as crianças e jovens que não participaram da luta pela emancipação a importancia de Icapuí torna-se cidade e deixar de ser distrito de Aracati. Isso serve para reforçar a identidade do povo praiano, que desde a década de 1950, vem lutando pela nossa emancipação e que só foi efetivado em 22 de janeiro de 1984. 

Sendo assim, não é simplesmente fazer um bolo de 27 metros comemorativo a data ou uma série de inaugurações para mostrar que a Prefeitura está trabalhando, que deveria servir a Semana do Município. Ele tem que servir para fazer um verdadeiro resgate do sentimento de ser icapuiense, este deve ser o mote dessas festividades e que se vocês olharem a programação não encontrarão uma linha sequer desse processo historico da cidade.  

Semana do Município não é simplesmente trazer bandas de renome, para o povo dançar, mas é reforçar anualmente que Icapuí é um cidade das mais belas do Ceará e que ela só é assim devido a luta de seu povo para torna-se independente!

E Viva ao Povo Praiano!

6 comentários:

Adolfo Maia disse...

Corrigido erros crassos de acentuação e de português!

Prof. Mauro disse...

Gostaria de enfatizar o que o texto retrata, porém lembrar que essa conquita se deu pela luta de muitas pessoas. Aprendemos com a História que o povo é capaz de decidir os rumos que quer tomar, as saídas, as estratégias. Nossa cidade sempre foi palco de lutas, manifestações, e, conhecida nacionalmente pela resistência as adversidades e aos problemas. Pena que isso esteja tão esquecido nos dias de hoje. Devemos lembrar que se os caras pintadas não tivessem reclamado nas ruas, não teríamos tirado o Presidente Collor do poder. Então meu povo está mais do que na hora de parar de tapar o sol com a peneira e agir, cobrar das autoridades constituídas pelo poder que o povo as deu; que efetivamente façam o seu trabalho. Nossa Icapuí precisa de cidadãos críticos, conscientes e sabedores de suas próprias necessidades e anseios. Onde está este povo gerreiro que não vemos mais? O povo precisa tomar a direção da barca.

Ricardo Rebouças. disse...

O "Rodo" Levou.

Ricardo Rebouças. disse...

Faltou luta para trazer a Escola Profissional e faltou vergonha na cara dos políticos para transformar o pólo de Lazer em pista de corrida de jegue. "Sucupira é Aqui"

amadeu disse...

Eu acho engraçado é que os famosos bacurais criticam os eventos da administraçâo e são os primeiros que estão lá para assistirem, tudo morrendo no sol quente.

Diego Rabelo disse...

Parabéns Adolfo pelo texto e está na hora de nos cobrarmos mesmo!!!formarmos um grupo independente, no qual praticarmos discussões e tomadas de ação para a melhoria do municipio.Articular movimentos e recursos para isso.
Não se pode esperar pelo poder publico, nem pelas próximas campanhas. Quantos amigos terei que perder pelas drogas e bebidas??pelos acidentes de moto??pela fome...por falta de carinho??!!