terça-feira, 1 de março de 2011

Atletas icapuienses do Jiu-Jitsu conquistam 10 medalhas na Copa Meia-Guarda em Fortaleza


Aconteceu no sábado (26/2) a Copa Meiaguarda de Jiu-Jitsu em Fortaleza. O evento foi realizado pela Associação Esportiva Luta pela Vida (AELV) e pelo site "meiaguarda" que juntou dezenas de lutadores de Jiu-Jitsu de todo o estado do Ceará no ginásio poliesportivo da Parangaba.  Onze jovens, que treinam com o professor Markiolki em um projeto voluntário desenvolvido pelo mesmo, representaram a cidade de Icapuí nesse torneio, trazendo na bagagem 10 medalhas no total, sendo: 5 de ouro, 2 de prata e 3 de bronze.

O Professor Markiolki vem desenvolvendo esse trabalho junto com crianças e adolescentes, utilizando o espaço do Centro de Juventude e Cidadania - CJC, vinculado ao Projeto Desenvolver e a Secretaria de Educação e Cultura de Icapuí. Porém, eles tem recebido pouco apoio principalmente durante as competições que participam. Gastos com alimentação, inscrição, transporte, aquisição de material para treino, kimonos, entre outros são supridos mediante esforço individual do grupo ou algum patrocínio conseguido depois de muita insistência, como disse Markiolki. 


Nas competições mais recentes, os meninos do Jiu-Jitsu tiveram a garantia do transporte dado pela Secretaria de Educação e Cultura, através do empenho de Kleiton Pereira, coordenador do CJC, que muito tem contribuído para a manutenção do projeto. Uma das grandes conquistas foi o tatame, base onde acontecem os treinos e as lutas, através de políticos locais que doaram as peças. No entanto, a cada nova competição começa a correria em busca de ajuda financeira para garantir o mínimo necessário no deslocamento desses jovens, que têm mostrado resultados muito expressivos em todos os torneios. Apesar das dificuldades e da falta de apoio efetivo e permanente, os meninos se esforçam bastante para obterem sempre os melhores resultados.

O professor Markiolki diz que o grupo que participou dessa Copa em Fortaleza, já está se preparando para a fase classificatória para o Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu que acontecerá em julho na capital cearense. Ele pede aos que admiram o esporte e que desejam investir no futuro de nossos jovens que contribuam com o que puder. Qualquer ajuda será bem vinda.

Os interessados em ajudar o Jiu-Jitsu podem procurar o professor Markiolki.

Nenhum comentário: