quarta-feira, 27 de abril de 2011

Campo de futebol e quadras esportivas de Icapuí: imagens do descaso público


Olhando a foto acima, que nos foi enviada pela  Assessoria do Vereador Felipe Maia, dar para imaginar que é apenas um garoto capinando algum roçado para aproveitar as chuvas recentes e plantar alguma coisa. Na verdade, trata-se da imagem de um menino tentando limpar o matagal que tomou conta do campo de futebol no Estádio Municipal, localizado próximo a gruta de Icapuí. Além do mato excessivamente alto, que cobriu todo o gramado, podemos observar alguns animais pastando nesse local. 



O campo de futebol passou por uma reforma em 2004, onde foi construído os muros, arquibancada, tribuna para convidados e radialistas que transmitiam os jogos. O gramado foi recuperado e era regado e aparado constantemente ficando sempre na altura ideal para a prática do esporte. Muitos campeonatos aconteceram nesse espaço, reunindo times do município e de outras cidades vizinhas no famoso "Distritão de Futebol". Após a mudança de governo, em 2005, o cuidado com o campo continuou com a indicação de uma pessoa responsável pela manutenção do gramado e das áreas comuns do estádio. Mas, de dois anos para cá, o estádio foi completamente abandonado e hoje está na situação que vemos nas fotos.


Na madrugada do dia 12 de fevereiro de 2010, o telhado do ginásio poliesportivo José do Carmo Rebouças,  principal ponto de encontro dos esportistas de Icapuí, desabou poucos dias depois da reinauguração após uma reforma realizada pela prefeitura de Icapuí. Segundo informações, a estrutura metálica do ginásio passou muito tempo exposta a ação do sol e de chuvas e não resistiu a corrosão, vindo a cair sem deixar vítimas devido o horário do incidente. O local, além de ser usado para prática de vários esportes, servia de palco para diversos eventos do município e festas particulares. Até o momento, o ginásio continua do mesmo jeito, sem telhado e desativado. 

Com a interdição do ginásio José do Carmo Rebouças, no Centro, os esportistas recorreram ao ginásio José Borges dos Reis, em mutamba, para praticar esportes. Porém, o mesmo apresenta estado de conservação bastante deteriorado, com vários pontos de ferrugem nas estruturas, grades e alambrados destruídos, muretas quebradas, não oferecendo segurança aos frequentadores. Desde a sua inauguração em 1996, apenas reformas de pintura foram feitas no ginásio.


Em março desse ano, a Secretaria de Obras do município de Icapuí resolveu desmontar o telhado e toda a estrutura metálica do ginásio de Redonda. O mesmo apresentava desgaste nas colunas e ameaçava desabar a qualquer instante, também por falta de manutenção e reformas. A preocupação da direção da escola Horizonte da Cidadania e dos pais dos alunos, era com a segurança já que usavam o espaço para aulas de educação física.

Outras quadras esportivas em quase todas comunidades do município estão sofrendo do mesmo problema. Na praia de Tremembé, a antiga quadra foi demolida para ser reformada mas até agora nada foi feito. A comunidade de Melancias também tem uma quadra esportiva que necessita de reforma. Além disso, outras comunidades aguardam a construção de novas quadras. Enquanto isso, os esportistas improvisam campos de futebol em áreas de areia, em terrenos emprestados ou baldios para praticarem seus esportes., como na área da gruta de Icapuí, que as pessoas utilizam para jogar volei e futebol .  Poucas quadras oferecem condições para a prática de esporte, como a de Ibicuitaba e da Escola Raimunda Lacerda.


Assim fizeram integrantes da Associação Desportiva e Cultural de Icapuí - ADECI e da Associação Cultural de Icapuí ACICA, que juntaram-se em mutirão e fizeram uma pequena reforma na quadra Elias Carneiro de Freitas, em Cajuais, vizinho a escola Gabriel. Esportista do Centro e de Cajuais passaram dias pintando e consertando partes quebradas da quadra, hoje utilizam o local para partidas de futebol. Enquanto isso, com a falta de opção para praticar esportes, muitos jovens caem na ociosidade e partem para o mundo das drogas para compensar a falta do que fazer. 

A comunidade esportiva de Icapuí anseia pela resolução desses problemas e deseja que o governo municipal se preocupe mais com o esporte no município e se empenhe em fazer uma verdadeira política esportiva, que sirva como opção de lazer e saúde e que possa ajudar a combater um grande mal que abate os jovens de Icapuí que é o uso de drogas.

atualizado às 7h

19 comentários:

Rabelo, C.D. disse...

Os frutos dessa década somente serão vistos daqui a algum tempo, em detrimento da qualidade de vida de adolescentes e jovens sem perspectivas e sem sonhos, oriundos de um tempo sem luzes.

PAULO DA SILVA JUNIOR disse...

Alguem tem que avisar ao PREFEITO MUNICIPAL o que está acontecendo com a cidade antes que Icapui se acabe.

Neyzinho disse...

Clotenir, confesso que poucas vezes nesse blog li palavras tão sábias quanto essas que você acabou de escrever, concordo com todos os caracteres d seu comentários.

Gostaria inclusive de relatar um fato real que presenciei:
Há alguns meses foi a Mossoró com o Vereador Felipe, estávamos a passeio com nossas senhoras e o filho dele, que tem uns 7 anos. Passando pelas ruas de Mossoró no carro comentei sobre a beleza das praças e quadras esportivas daquela cidade. Imediatamente o filho de Felipe soltou uma que nunca mais esqueci, vejam só: “é mesmo... as praças aqui são legais... olha ai... TEM ATÉ TABELA DE BASQUETE”.

Que dizer, essa geração é castrada dos prazeres do esporte, da felicidade de se praticar uma modalidade, da nossa saudosa e bela ginástica de solo, que muitas vezes era a principal atração nos eventos da Prefeitura, das escolinhas de esporte, dos jogos estudantis, de chupar dindin no distritão, em fim... são tantos os benefícios do esporte que nem precisa enuncia-los.

Daí fantasia-se uma campanha antidrogas e não se combate a pior droga que é a forme como nossa cidade vem sendo “desgovernada”. Particularmente eu não acredito que seja uma atitude proposital por parte da administração, prefiro acreditar que é pura incompetência técnica administrativa, e mais ainda, prefiro acreditar que nossa cidade ainda tem jeito, espero.

Enquanto isso, por onde se passa em Icapuí é fácil ver crack, resta achar os craques.

Professor Wellington Pinto disse...

Todos já sabem que o nosso prefeito é omisso, até o final da gestão faremos apenas lamentar? Qual a saída para esse caos instalado na cidade de Icapuí? Precisamos cobrar também dos nobres deputados filhos de Icapuí providênias a nível estadual e federal, no caso Dedé Teixeira e Airton Cirilo.Vamos cobrar também desses deputados, aliás são poucas cidades do Ceará do porte de Icapuí que tem um deputado estadual e um federal.

tiago felix disse...

Deveriam postar as obras e as coisas boas feita pele gestão municipal, agora vai ser esse o foco das postagem pois tamos próximo ao período eleitoral.

Adolfo Maia disse...

Caro Tiago,

Nós sempre postamos tudo que o que conseguimos captar em Icapuí, no alto de nossas limitações. Veja as coberturas de semana do municipio do ano passado e outros eventos que a prefeitura faz.

Dessa forma, a tentativa de politizar o problema, creio que não seja um bom caminho. Isso porque é de conhecimento de todos que não trabalhamos no blog de forma politiqueira e que nós prestamos um relevante serviço e função aos cidadãos icapuiense e ao município. E sempre nos pautamos pela verdade quando escrevemos nossos textos e quando erramos temos a clareza e humildade de fazer as devidas correções.

Mas não se pode deixar de falar que na verdade o problema existe e é sério sobre a questão do esporte em nossa cidade. E não é percebido nenhuma movimentação do órgão responsável pelo Esporte em nossa cidade de dar uma resposta convicente para resolução do problema.

Lembrando que o espaço nesse blog é sempre aberto para divulgar informações. Nesse sentido se a Secretaria de Turismo e Esportes quiser mandar uma nota explicativa sobre esse problema das praças de esporte do municipio, teremos o prazer de publicar.

Nós estamos aguardando.

Sem contar que a prefeitura conta com site que é uma de nossas fontes de informação. Basta a Secretaria de Turismo e Esporte escrever e enviar para lá, que copiamos e publicamos aqui.

Isso é que fazemos com o blog que a Secretaria da Educação e Cultura criou, o http://educacaodefato.blogspot.com, que sempre reproduzimos no nosso blog A Cidade Icapuí.

Atenciosamente


Adolfo Maia
Editor
www.acidadeicapui.com.br

Adolfo Maia disse...

Tiago,

COmo é que ta tamos próximo ao período eleitoral? Se falta mais de ano para iniciar a campanha e falta 1 ano e meio para a eleição? Muitas aguas vao rolar durante esse tempo, candidato que pode ser hoje poderá nao ser amanhã.

Agora lhe pergunto: Na sua opinião como está o esporte em toda a cidade de Icapuí?

tiago felix disse...

Caro , Adolfo
Não to aqui querendo colocar em cheque a credibilidade do Blog e os relevantes serviços prestado por ele ao povo de Icapui,mais falar que certas materiais não tem conotação política? pq erros existem em qual quer governo mais notamos um tentativa de dês credenciamento das ações do governo municipal em icapui.Tamos vivenciando sim nos bastidores o puro período eleitoral em icapui ,por todos os partidos.

tiago felix disse...

O esporte ta bom .os eventos esportivo tem melhorado muito em icapui.

Juarez Teixeira disse...

O esporte tá bom? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.... kkkkk... cara vc de fato sabe contar uma piada!

Icapuí nao tem mais esporte, não tem mais as quadras... olha só a Esc. Gabriel onde não tem prefeito e nem gente com influencia, eles a direção da escola conseguiram dinheiro para REFORMAR A QUADRA DE ESPORTE... sabe o que é isso.... EMPENHO MEU CARO, DEDICAÇÃO e querer fazer acontecer!!!! coisa q seu ilustrissimo prefeito.... co toda a certeza nao tem por nossa Icapuí!

tiago felix disse...

Temos dificuldades no esporte sim ,mas esportes temos e muito em icapui temos varios campeonatos em andamento em nosso município em varias modalidades isso não e esporte ?
A corda para realidade o nosso prefeito tem
apoiado todas as competições realizadas nesse município.

Adolfo Maia disse...

Tiago,

O erro da política de esporte da Gestão em Icapuí foi achar que esporte é somente campeonatos.

Se você avaliar todos os campeonatos que existem praticamente mobilizam as mesmas pessoas, que são uma pequena parcela da população de Icapuí.

Icapuí tem 18 mil habitantes e desses no máximo 300 pessoas participaram desses campeonatos. Mas temos um contigente maior que deveria praticar esporte por lazer e por saúde.

Além de que a Prefeitura em muitos desses campeonatos ela apenas apoia e não organiza, que na maioria das vezes os grupos fazem o campeonato e a prefeitura apenas libera dinheiro para realização.


Como o esporte deve ser pautado em Icapuí é investir em espaços públicos de prática de esportes, na criação de movimentos esportivos que mobilizem a maior parte da população, que multiplique as opções de modalidade esportiva praticada no municipio, que praticamente só existe de futsal e futebol de campo. Abrindo possibilidade para basquete (ja que nao existe uma tabela no municipio para praticar o esporte), volley, handboll, atletismo, modalidades de praia, xadrez, tenis de mesa e esportes praticados no mar, como kitsurf (Icapuí é uma das melhores praias para pratica desse esporte).

Marquinhos disse...

Muita boa matéria sobre o DESCASO PÚBLICO relatando sobre o campo de futebol e as quadras de esporte de Icapuí, esta é a verdadeira realidade. parabenizo também o Neyzinho pelo seu ótimo comentário, como sinto falta dos grandes e bons eventos esportivos, escolinhas de futsal, futebol, basquete, voley, ginastica de solo, atletismo e muita outras que eram realizadas em Icapuí. Hoje em nossa cidade não existem Quadras, Campos de futebol e muito menos compromisso desta administração com o esporte icapuiense, olha que tem gente queredo tampa o sol com a peneira tentando explicar o inexplicável.

Marquinhos disse...

O ESPORTE EM ICAPUÍ ESTAR REALMENTE À DERIVA E UM VERDADEIRO DESRESPEITO COM OS MUNICIPES QUE GOSTA DE ESPORTE. TEM GENTE QUERENDO TAMPA O SOL COM UMA PENEIRA, TENTANDO EXPLICAR O ENEXPLICÁVEL.

tiago felix disse...

caro,Marquinhos
Não quero aqui tampa o sol com a peneira nem tanto explicar o inexplicável,so tenho um opinião e tenho o direito e a coragem de expor ela ,não sou como muitos que vimos em nossa cidade que foram omissos tantos anos com erros das gestão anteriores e hoje querem transparecer ser santos para a população, já vimos esse discurso de perseguição ao governo municipal antes e o povo julgo os criticos e o prefeito muitos dos criticos foram condenados no julgamento soberano do povo mais, o prefeito e sua maneira de governa foi absolvido pela maioria soberana dos juízes dessa cidade .

Marquinhos disse...

Caro,Tiago
Todos nós temos o direito de opinar, claro que sua opinião e diferente da minha sobre o esporte desenvolvido pelo governo municipal. Evidente que o esporte da gestão anteriores não era as mil maravilhas, mais vamos ser coerente algumas coisas existia de concreto, que para mim era o básico mais o suficiente para podemos prática o esporte, nossos campeonatos, copas e torneios que para as realizações destes eventos eram preciso termos CAMPO DE FUTEBOL(gramado), QUADRAS DE ESPORTE E OUTRAS ÀREIAS DE LAZER, coisas que hoje não temos.
A palavra perseguisão não entra neste contexto e sim o DESCASO A INCOMPENTÊCIA A FALTA DO COMPROMISSO E A VONTADE DE NÃO FAZER ACONTECER AS COISAS e isto que estar acontecento com o esporte da nossa cidade. Sei que a soberania prevaleceu isto é democracia, por isso que administração atual deveria fazer muito melhor, garantir pelo menos o esporte básico para todos os municipes.

Saudações Esportivas.

Emilio Konrath - Catamaram Mås disse...

@ Tiago Felix
Para calar a boca das pessoas que falam mal da atual gestão vc poderia citar os programas desenvolvidos. Eu até que gostaria de fazê-lo, mas não conheço nenhum.

Emilio Konrath - Catamaram Mås disse...

@ Paulo da Silva Junior
Avisar de que jeito, se ninguém consegue encontrar ele.

Emilio Konrath - Catamaram Mås disse...

Além de tudo isto, tem a destinação da sucata resultante da demolição dos ginásios do centro e da Redonda.
Quando algum vereador solicitará a PMI uma explicação sobre esta destinação?